Mãe é presa após esquartejar filho de três meses no Maranhão

A Polícia Civil prendeu na cidade de Itapecuru Mirim, no Maranhão, uma mulher identificada como Patricia Maria dos Santos Pereira, 20 anos. Ela teve a prisão temporária decretada pela Justiça acusada de ter matado e esquartejado o próprio filho de apenas três meses.

O caso ocorreu no início do mês passado quando o corpo do bebê foi encontrado em uma sacola no povoado Vinagre naquele município.  Durante a investigação a polícia concluiu que a sacola com o corpo do bebê havia sido deixado naquele local no carro de propriedade de Jackson Matos Pereira, pai da jovem. Em função disso ele foi preso juntamente com a sua esposa Marilene dos Santos Menezes.

Como o carro dele é usado para fazer transporte de passageiros naquela região ele alegou que não sabia o que tinha na sacola e que pensou que fosse carne estragada esquecida no veículo por algum passageiro.

Após a prisão dos pais Patricia Maria foi até a delegacia e confessou que havia abortado espontaneamente e que sem dizer nada pra ninguém colocou o bebê morto na sacola e botou dentro do carro do seu pai.

A versão  da acusada é contestada pelo peritos que constataram que o bebê foi morto e esquartejado. Maria Patricia foi presa e encontra-se recolhida na Unidade Prisional de Itapecuru Mirim.

Com informações Repórter Silvana Alves

Palavras-Chaves: , ,

Curta a página do Portal Diário do Norte no Facebook: Portal Diário do Norte

Deixe uma resposta