Escola Militar de Parnaíba vai receber o nome de Bolsonaro

A primeira escola militar do Serviço Social do Comércio (Sesc) em Parnaíba, vai ser batizada com o nome do presidente Jair Bolsonaro (PSL). A homenagem tem como objetivo promover a aproximação entre o chefe do Executivo brasileiro e o Piauí, segundo o presidente da Fecomércio Valdeci Cavalcante.

A expectativa é que Bolsonaro participe da inauguração no dia 14 de agosto no litoral. Já há uma confirmação prévia para que ele participe da solenidade. Valdeci disse que essa homenagem é uma forma de tornar o presidente próximo do Piauí pois, segundo o empresário, o governador Wellington Dias não é próximo do presidente e isso pode ser ruim para o estado.

“Nós estamos a disposição do presidente. Já estamos com a placa pronta, esperando ele vir e aceitar a homenagem. Nós queremos aproximação do Jair Bolsonaro com o Piauí porque o governador não quer. É ruim para nós, mantermos um governador sem dinheiro, sem recursos e o Piauí abandonado pelo presidente. Queremos aproximar Bolsonaro ao nosso estado. Quero que ele veja o Piauí como um estado que lhe respeita, homenageia, para que possa liberar recursos”, declarou Valdeci Cavalcante.

A escola pretende atender 600 alunos em tempo integral. Poderão ingressar no colégio os filhos de comerciários e pessoas carentes. Como a iniciativa é financiada pelo capital privado não há ilegalidades na homenagem de pessoas vivas. O Palácio do Planalto ainda não confirmou a vinda do presidente ao Piauí.

Essa escola tem uma pedagogia do Sesc/Senac. Não vamos ensinar ninguém a atirar, mas administração será compartilhada com oficiais das Forças Armadas que vão ministrar palestras, ensiná-los educação moral e cívica, amor a pátria, cantar os hinos e conviver em harmonia com a sociedade. Vamos prepará-los para serem empresários, vão sair falando duas línguas, tocando dois instrumentos e praticando dois esportes”, finalizou o presidente da Fecomércio.

Fonte: OitoMeia

Curta a página do Portal Diário do Norte no Facebook: Portal Diário do Norte

Deixe uma resposta